• Viva Guarapuava

Batel vai atrás de vitórias dentro e fora de campo

Dia 21 de março de 2022

Jogo festivo com os Amigos do Cuca reaquece o ânimo da torcida e dos novos diretores


Com casa cheia, o estádio Waldomiro Gelinski recebeu neste domingo (20) o ex-técnico do Atlético Mineiro Cuca, para um jogo comemorativo entre Amigos do Cuca x Amigos do Batel. O evento marca a mudança de administração do clube rubro-negro, que disputará categorias de base (Sub -17 e Sub – 20) e o profissional, na terceira divisão do paranaense.

O novo presidente do clube, Alex Lopes (ex-jogador do próprio batel), explicou que a amizade de longa data com o técnico Cuca foi o principal motivo pela realização do evento, além de almejar um futuro de glória para o rubro-negro da baixada. “O Cuca é um amigo de longa data que infelizmente não pode jogar, por conta de uma lesão, mas trouxe seus amigos e veio prestigiar essa nova fase do Batel. A expectativa é muito grande e vai ter muito mais, as categorias de base e a terceira divisão vão ser só o começo”, conta Alex.


Presente no jogo, o Secretário de Esportes Milton Roseira, destacou a importância na realização deste tipo de evento para a comunidade esportiva de Guarapuava. “Esse evento faz algo muito importante para as crianças e jovens da cidade, que é incentivar, incentivar esses jovens a seguirem uma carreira no esporte. Mesmo indiretamente, a Secretaria de Esportes e Recreação apoia o desenvolvimento desse tipo de modalidade profissionalizante aqui em Guarapuava através das escolinhas, onde preparamos futuros profissionais que podem chegar a competir pelo Batel”, destacou o secretário.


O jogo comemorativo terminou com vitória para os amigos de Cuca, com o resultado de 1×0. O gol da vitória foi feito pelo ex-jogador Jetson (ex-Coritiba), campeão do sul-americano Sub – 16 pela seleção brasileira em 1988.



Apesar do resultado, o domingo foi de comemoração. O jogador e atacante da categoria de base Sub- 20 do clube, Augusto dos Santos, vai disputar os campeonatos deste ano e afirmou que o abraço da torcida dá ainda mais confiança no projeto. “Eu quero fazer história com esse elenco, essa nova fase da equipe começou com um clima muito bom, então precisamos seguir confiantes”, declarou.

Mesmo lesionado, o técnico multicampeão Cuca prestigiou a partida e distribuiu autógrafos e itens do seu último time, o galo, para os torcedores guarapuavanos. Durante a entrevista, Cuca destacou o papel da torcida alvinegra nesses 70 anos do clube. “Mesmo com o time estando em uma situação difícil atualmente, é uma equipe de muita tradição e esse público aqui prova que tem incentivo e que tem muita gente apoiando”, defendeu.



Antes do jogo, foi realizada uma homenagem do grupo folclórico ucraniano Vesselka, que veio de Prudentópolis, ao povo ucraniano, pedindo o fim da guerra na Ucrânia

mapa antigo gp.jpg

Ano de 1819 lembra o ato formal de fundação da Freguesia de Nossa Senhora de Belém 

gp hoje.jpg

SÉRIE
Guarapuava é a gente que faz 

tropeiros.jpg

Documento original assinado em 1818 por Joaquim de Marçal nunca foi encontrado

DEIXE SUA OPINIÃO

Obrigado!